Turismo em La Paloma

Guia de viajantes - Club de Turistas
Você está em: Início > Guias de viagem > La Paloma

Versión español Versão Português English version Deutsch version Versione italiana

La Paloma. Cidade e do oceano, dia e noite

Autor: Alejandra Sellanes
Club de Turistas Veja mais guias Imprimir a guía de La Paloma Guia da cidade Alojamento e Hotéis em La Paloma Pronóstico do tempo em La Paloma Fotos de La Paloma Restaurantes e bares Máis informação de La Paloma Remeter recomendações e comentários La Paloma

Outros destinos no Uruguay e no mundo:

 Piriápolis, Uruguai  Benidorm, Espanha  Costa Brava, Espanha
 Buzios, Brasil  Foz de Iguazú, Brasil  Porto Alegre, Brasil

(Última atualização: )

(Tenha cuidado: esta é uma tradução automática)

La Paloma é o balneário com a maior infra-estrutura hoteleira e de serviços da costa do Rocha. Seu perfil heterogêneo amalgama no verão uma grande extensão de variadas praias, gastronomia que vai desde minutas até produtos do mar com preparações únicas, diversão noturna, feiras de artesãos, cinema e até um cassino a duas quadras do mar e uma extensa proposta hoteleira, complexos de cabanas a passos da praia. Se por acaso fora pouco, La Paloma é rodeado por vários balneários de praia que se fundem em La Paloma mantendo sua personalidade própria e as características únicas de suas praias, como são A Aguada, Costa Azul e Antoniópolis ao Este e Anaconda, Solari e Praia Serena ao oeste. Uma ampla amostra do que oferece Rocha, tudo à mão, tudo em La Paloma. Para chegar, se forem por Rota 9, próximo ao km 208, têm que tomar por uma Rota secundária (mas em muito boas condições) que é a 15, e percorrem um trajeto de 28 km até chegar à Pomba. Se chegarem em navio, em troca, o Porto de La Paloma é uma muito boa opção, conta com 10 amarras a Borneo e de 10 a 12 amarras de cada lado do mole esportivo e serviços para os navios, pode-se consultar mais info na página Web da Direção Nacional de Hidrografia (aí encontrarão inclusive um mail para enviar consultas).

Praias

Obviamente, o principal atrativo do balneário. As praias de La Paloma são tão extensas como variadas e embora se inclui várias localidades diferentes, poderia-se dizer que La Paloma vai desde Praia Serena até o Antoniópolis. Para fazer uma descrição breve, desde o Antoniópolis até a Aguada tem praias similares, boas para surfe e quanto mais ao este têm melhores águas e areias já que as do oeste (particularmente a Aguada), muito próxima ao porto tem um pouco de alcatrão na areia e às vezes suas águas não são tão claras. Logo do porto está a baía da Pomba, frente ao capelo do balneário, boa para banhos e com um interessante valor paisagístico, com a Ilha da Tuna à frente. Logo o farol e para o Oeste a Balconada, de areia muito grosa, boa para pesca do Pejerrey com cano já que tem boa profundidade já aos poucos metros da borda. Olho com os meninos nessa praia.

Logo depois das primeiras rochas a água é mais calma e é mais utilizada para banhos que para pescar e é onde se vêem os famosos atardeceres dos que tanto se fala. Esta praia é freqüentada, em temporada, por jovens que querem desfrutar de maravilhosas postas de sol ou música, que eles mesmos executam acompanhados de violão, de boa voz ou só de entusiasmo. Seguindo ao oeste, o Cabito, quase uma piscina já que está encerrada por bancos de areia e rochas, portanto é apta para meninos pequenos com bom tempo. Às vezes há muitas algas. Para quem procura relaxar-se em praias pouco concorridas rodeadas de bosques de pinheiros, está Os Botes, com os navios de quão pescadores descansam até a próxima saída para mar, compartilhando a larga franja de areia com a gente e com o Cristo do Luto, um ícono do lugar, realizado por Lucho Maurente, pescador e artista da zona. Mais afastadas, estão praia Sucuri, Solari e Praia Serena de areia muito fino e branca. Fora de temporada quando há poucos veranistas, é maravilhoso caminhar para o Oeste dos Botes, e ver praias solitárias e Oceano até onde dá a vista, com aroma de mar, o ruído ensurdecedor das ondas a um lado e a brisa fresca e salgada na cara. De nossa parte, não recordamos ter estado em lugar mais pacífico que esse.

Para os amantes do surfe têm, entre outras, praias como A Aguada, com boas ondas e os pescadores podem provar sorte no porto, no Farol ou praias como a Balconada ou Os Botes.

Outros lugares

O farol: Um passeio que recomendamos é a visita ao Farol, são suficientes degraus para desmoralizá-los inicialmente, mas com sua mais de 30 m de altura, a vista que terão se se animam a subir, é espetacular, tanto do mar como do povo de La Paloma. pode-se visitar todos os dias e a entrada por pessoa (preço 2009) é do $ uruguaios 15 (uma ninharia). Não deixam subir a menores de 8 anos e está bem já que o último lance de 3 metros de altura é um tanto perigoso. Para meninos, sob o farol, têm uma concentração de rochas com centenas de búzios que traz o mar, além disso entre as pedras se formam pequenos laguitos nos que se podem molhar.

Se tiverem intenções de comprar souvenirs ou simplesmente são fanáticos das compras, no Av. Solari e arredores, La Paloma lhes permite as mais variadas opções: roupa, calçado, souvenirs, artesanatos marinha, ou pranchas de surfe; enfim, o que lhes ocorra. Há anos, funciona uma feira de artesãos, que atualmente estão se localizados em postos sobre o Av. La Paloma... mas só podem visitá-la em janeiro e fevereiro.

A noite em La Paloma

Quanto à vida noturna, em temporada La Paloma oferece infinidade de pubs e discotecas. La Paloma tem a noite mais agitada até a Pedreira, por isso convergem jovens que estão veraneando desde Praia Serena até Costa Azul. Fora de temporada alta, a maior parte vão encontrar as fechadas, ao igual à maioria dos comércios.

Para aficionados ao jogo, há um Cassino sobre avda. Solari (hotel Santa María). O hotel Santa María é um hotel emblemático que aparece em quase todas as postais de La Paloma. A seu lado também há um cinema para os que querem diversão sem muito risco monetário.

Onde comer

A proposta gastronômica de La Paloma abrange desde simples pizzerías, bares de comida ao passo, até restaurantes (de preço muito diferente) com especialidades de pescado e frutos do mar. Se não quererem cozinhar em férias, há muitas rotiserías (e ainda restaurantes que têm delivery) mas perguntem os preços por porção antes de comprar porque revistam ser bastante caras. Um conselho: percorram e consultem preços antes de decidir. As rotiserías não tão turísticas para comprar comida de pouco preço, estão principalmente no entorno ao Supermercado Os Molles ou sobre a rua Sagitário onde também há pequenos supermercados.

Aventurando-se mais longe

Um lugar que, se tiverem algum veículo, recomendamo-lhes calorosamente, é uma visita à Lacuna do Rocha. É uma área que está sendo incorporada ao SNAP (sistema nacional de áreas protegidas). Para chegar, vão para Sucuri pela Avda. do Navio e ao terminar, encontrarão um caminho panorâmico à Lacuna do Rocha (a 5 km). Pelo caminho panorâmico vão encontrar as chacritas da Serena (uma reserva de biósfera) e nas cercanias uma estação ecológica de monitoro ambiental. Na Lacuna do Rocha, verificou-se a presença de mais de 200 espécies de aves, as que mais chamam a atenção de qualquer turista sem muito conhecimento do tema são os cisnes de pescoço negro, que nadam serenamente na água, sem um espiono de preocupação pela presença humana, gaivotas, gaviotines e garças brancas. Se tiverem binoculares levem-nos a não ser não vão ver nada. Muito perto da lacuna, podem seguir o som do oceano detrás das dunas e acessar a uma praia quase virgem, o único requisito para percorrer esta zona, com praias de água esmeralda e ondas violentas cheias de branca espuma é não destruir as dunas com veículos, deixem o automóvel no caminho e atrevam-se chegar ao mar a pé que não é longe. Cuidado com estas águas porque não há salva-vidas e não recomendamos para banhos de veranista casuais.

Também, da Pomba têm excursões à Pedreira, La Paloma, ao Bosque de Umbuzeiros, à Lacuna do Rocha, etc. Algumas serão de umas horas, outras para passar o dia. Sem dúvida não se aborrecerão o tempo que estejam em La Paloma. Certamente quererão voltar no próximo ano.

Quando Ir

Uma coisa que não está acostumado a dizer-se é que estes balneários do Rocha são bem diferentes todo o ano e para turistas que não conhecem o lugar biene bem saber as características de cada mês.

Janeiro. Água frite e balneário a full. Jovens em qualquer parte e o que oferece A pomba funciona tudo e bem, dia e noite, a feira, supermercados pubs noturnos, restaurantes, etc. Música em vivo e espetáculos por todo o povo e gratuitamente na praia. O balneário de festa. As maiores complicações podem surgir justamente da quantidade de gente no balneário: muitas caudas nos supermercados, e alguma dificuldade para conseguir boas rostiserías com stock. Tambien, é difícil encontrar praias solitárias.

Fevereiro. Menor quantidade de gente (sobre tudo ao final do mês) mas o balneário totalmente ativo, vigente em todas suas ofertas igual a janeiro. Franja etaria de veranista mais compartilhada, com familas e gente de toda idade. Bom mês para ir. A água segue fria.

Março. Poucos veranista e serviços aos 50%. Fecha a feira e alguns comércios e restaurantes só abrem em Semana de Turismo e fins de semana. Outros permanecem. A água um pouco mais cálida, acompanha as extensas praias com mais espaço para todos os atrasados do veraneio. Ao vento já chega afresco à praia. Boa época para pescar.

Abril a Novembro. Quase tudo fecha, ficam alguns serviços e comércios como para a gente do povo e pouco mais. Há igualmente bons restaurantes para os aventureiros, mas é mais parecido a um pueblito pobre que a um balneário internacional. A outra cara de La Paloma, só para verdadeiros amantes do lugar, que os há e muitos.

Dezembro. Mês parecido a Março em clima e aparência do balneário, só que o mar está mais frio. Começa a pulsar a Pomba, os artesãos começam a armar seus locais e os restaurantes fazem os primeiros ajustes. Bom clima e boa época para o que não gosta do tumulto.

Saudações do Club de Turistas e esperamos que desfrutem.

 

Agências online de alojamento em La Paloma

Os enlaces de abaixo não são publicidade. O Clube de Turistas reconhece estas empresas como seguras e com os preços mais baratos.

Oferta de booking.com em La Paloma

 

Fotos de La Paloma

 

Recomendar - Restaurantes e bares (La Paloma)


No hay recomendaciones aún. Recomendar - Restaurantes e bares (La Paloma)

 

Máis informação de La Paloma

Se não te atinge com a información que te brindamos aquí, listamos abaixo nossa selección de enlaces referidos ao turismo em La Paloma. Esperamos que seja de utilidade